segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Um laço especial


Quando o cara certo aparecer, você não só vai saber e sentir, como isso lhe será provado todos os dias de diferentes maneiras; assistindo aquele filme romântico bobo com você, dando suporte quando você errar ou se ferir, no jeito de te acordar, ele vai achar fofo e amar tudo aquilo que mais te incomoda em você, ele também não vai se importar em ver o mesmo filme no cinema só para te acompanhar.

Ele vai mudar, mas isso não é por falta de personalidade, é porque um relacionamento estável requer mudanças. Ele vai pensar em você a cada ato e palavra, não vai medir esforços para não te machucar e vai fazer de tudo para que ninguém o faça. Ele pode até ser duro demais algumas vezes, mas o peito e colo dele serão o seu melhor refrigério.

Vocês vão se conhecer como ninguém e não precisarão recorrer a meios baixos para se afirmarem como o amor da vida um do outro. O bem e a felicidade do outro será a prioridade de vocês. A dor será saudade porque um sentimento tão bom não gera frutos destrutivos. Não vai haver desistência da parte de ninguém, porque ambos saberão que vale a pena sacrificar alguns hábitos para manter e estreitar esse laço tão especial que os une.

Quando vocês se abraçam, não há sentimento de posse, porque sabem que ninguém pertence a ninguém. No início, os abraços podem parecer todos iguais, mas com o tempo, você percebe a diferença de se sentir protegida por alguém ou de ser um troféu para alguém. E deixar-se ser um prêmio, é deixar-se ser coisificado - não amado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário